Dudu

Dudu

 

As inspirações de outono-inverno 2018 da Whoop são os esportes ao ar livre e o luxo atlético, desde a cultura surf e skate, que encontra-se cada vez mais forte como tendência, ganhando espaço especial na coleção que representa sua forma em cores e estampas. 

 

 Malhas e tecidos casuais geram misturas luxuosas com lonas, veludo, carmuça, nylon e uso de meios-tons dão um ar inovador a cada modelo. Os calçados combinam o contraste depadronagens em tons de mescla, com linhas exageradas e texturas que promovem harmonia com cores monocromáticas, sempre mantendo a identidade da marca. Veludo e camurça oferecem calçados com superfície macia, com toque muito suave, convidando ao bem-estar.

 A coleção traz ainda materiais que protegem contra as intempéries, ao mesmo tempo que dão um ar sofisticado aos produtos, com brilhos sutis. A valorização dos itens da natureza está presente em tecidos de linho a algodão, que agregam valor de conforto aos calçados.

Ao mesmo tempo, peles luxuosas e tecidos com aspecto de couro proporcionam modelos mais sofisticados, permitindo inclusive o uso na balada. Os modelos femininos vêm com detalhes como laços, acrescentando glamour ao dia a dia. E os florais, que fazem parte da nossa cultura tropical, complementam a coleção.

 O tema é utilizado com suavidade, por meio de efeito de pintura e formas imperfeitas, como silhuetas de pétalas e hastes de flores, em opções ora coloridas, ora em preto e branco.

 

SOLADO ECO

  A pegada Eco que identifica a marca se mantém com os solados feitos a partir de resíduos de borracha e compostos, uma solução inovadora que faz parte dos propósitos da Whoop.

 


Para contemplar o desejo feminino, de criar looks únicos e especiais - vontade essa que se instalou definitivamente no dress code das mulheres, os saltos diferenciados desenvolvidos pela Vizzano assumem papel de destaque nessa nova temporada.

Esse comportamento fashionista, de lançar um novo olhar para os saltos, buscando formatos inéditos sem abrir mão do conforto e do design, nasceu nas passarelas de moda internacional e invadiu o closet e os looks de street style.

Uma profusão em saltos com estilos arrojados começou a aparecer na companhia de cabedais com modelagens clássicas, criando o contraponto perfeito da contemporaneidade que a Vizzano tanto valoriza.

Peças coringas e que transmitem feminilidade, as sandálias chegam com saltos metalizados, em versões foscas ou brilhantes ou com acabamento texturizado especial, que lembra o trabalho de ourivesaria, muito utilizado em joias. 

No mix de materiais, a delicadeza do cetim, a imponência do jacquard e a modernidade do verniz conferem sofisticação urbana. As fivelas e os laços garantem glamour às produções. E melhor, os modelos finalizam outfits que transitam do casual à festa.

Nude, azul jeans, azul royal, rosa millennial, o insubstituível preto e as versões estampadas com fundo marinho são os tons eleitos pela Vizzano para realçar esses calçados com saltos tão especiais. 

Fonte: Assessoria de Imprensa Vizzano

 

A 7ª edição da Zero Grau, feira que reuniu 1,2 mil marcas de calçados em Gramado/RS entre os dias 20 e 22 de novembro, foi palco para mais uma edição do Projeto Imagem. A iniciativa, realizada por meio do Brazilian Footwear, programa de apoio às exportações de calçados viabilizado pela Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), trouxe três jornalistas, dois argentinos e uma russa para conhecer - e divulgar - os produtos apresentados nos seus países. 

A responsável pela Promoção de Imagem da Abicalçados, Alice Rodrigues, destacou que o formato da iniciativa, mais enxuta, possibilitou uma integração maior dos comunicadores com as marcas expositoras. “Eles puderam ter um atendimento mais personalizado, mais próximo, conseguindo entender com mais detalhes o processo de construção de cada marca visitada. Certamente teremos um resultado de mídia interessante, já que eles ficaram surpresos com a visitação e com os produtos apresentados”, estimou Alice. Além da agenda na feira gaúcha, os jornalistas estrangeiros visitaram fábricas das regiões dos vales do Sinos e Paranhana, podendo ver, in loco, o desenvolvimento dos calçados. 

Percepções
O jornalista argentino Aldo Delfino, diretor da Serma, ressaltou que, embora o consumo de calçados venha despencando na Argentina desde o final de 2015 (5% a 6% conforme fontes oficiais e 10% a 12% conforme fontes setoriais), o calçado brasileiro segue tendo espaço cativo junto ao consumidor local. “Chamou a atenção que no voo para o Brasil, mais de 70% dos passageiros eram argentinos vindo para o Brasil participar da Zero Grau. E não eram somente grandes comerciantes, mas também fabricantes que vinham buscar referências complementares para suas produções”, contou.   

Para Maurício Herzovich, diretor do portal argentino CueroAmerica, a palavra que define a mostra gaúcha é “surpresa”. Segundo ele, a presença de empresas importantes do segmento e a visitação expressiva chamaram a atenção. “Percebemos muitos compradores estrangeiros, não somente da América do Sul, mas de todo o mundo. Vimos no evento compradores da África do Sul, do Oriente Médio e da Europa”, disse. 

Pela primeira vez no Brasil, a jornalista russa Timashova Natalia, da Shoes Report, destacou a qualidade dos produtos apresentados, especialmente os de couro, que fazem maior sucesso na Rússia. “Os sapatos femininos de saltos chamaram a atenção, pois é o tipo de produto que as mulheres russas usam em todos os ambientes, no trabalho e em casa”, comentou. Segundo ela, cerca de 65% do mercado russo de calçados é voltado ao segmento feminino, sendo que atualmente os principais fornecedores do país são Turquia, Alemanha e Itália. 

A jornalista disse ainda que o calçado brasileiro é apreciado na Rússia, apesar de não poder ser encontrado com facilidade no varejo local. Para ela, uma forma de abrir mais espaço para o produto verde-amarelo no mercado russo seria a criação de um centro de logística na Europa, facilitando a distribuição do calçado. “A China, apesar de possuir fronteira conosco, já possui esse centro e tem colhido ótimos resultados. Os governos do Brasil e da Rússia, por fazerem parte do BRICS, poderiam pensar uma integração nesse sentido. Certamente ajudaria nas relações comerciais entre os países, facilitando a questão logística”, concluiu.

A Zero Grau é uma promoção da Merkator Feiras e Eventos apoiada pelos sindicatos das indústrias de Estância Velha, Ivoti, Igrejinha, Novo Hamburgo, Parobé, Sapiranga e Três Coroas.

Sobre o Brazilian Footwear:
Brazilian Footwear é um programa de incentivo às exportações desenvolvido pela Abicalçados em parceria com a Apex-Brasil. Este programa tem por objetivo aumentar as exportações de marcas brasileiras de calçados através de ações de desenvolvimento, promoção comercial e de imagem voltadas ao mercado internacional. Conheça: www.brazilianfootwear.com.br |www.abicalcados.com.br/brazilianfootwear

Sobre a Apex-Brasil:
A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos  (Apex-Brasil) atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira. Para alcançar esses objetivos, a Apex-Brasil realiza ações diversificadas de promoção comercial que visam promover as exportações e valorizar os produtos e serviços brasileiros no exterior, como missões prospectivas e comerciais, rodadas de negócios, apoio à participação de empresas brasileiras em grandes feiras internacionais, visitas de compradores estrangeiros e formadores de opinião para conhecer a estrutura produtiva brasileira entre outras plataformas de negócios que também têm por objetivo fortalecer a marca Brasil. Conheça: www.apexbrasil.com.br

 

Zero Grau é consolidada a principal feira de calçados do Brasil para lançamentos outono inverno em calçados e acessórios.

 

 A Zero Grau é hoje referência de moda para o varejo nacional em diversos países, especialmente os da América Latina. Já consolidada a principal feira de calçados do Brasil para lançamentos outono inverno em calçados e acessórios, visitantes vão á Gramado em busca de boas compras, sendo resultado da união dos negócios do setor calçadista brasileiro apresentados até esta quarta-feira (22). 

 As seis edições da feira ajudaram a fortalecer esta essência que mostra inovação e informação em produto. No primeiro dia (20), a movimentação dos corredores foi intensa e a projeção é de bons negócios até quarta-feira (22), o último dia de feira que acontece no Serra Park, em Gramado (RS).

 Esta edição da Zero Grau é histórica, visto que bate diversos recordes: 320 expositores, que trazem 1.200 marcas, mais de 3.000 mil lojistas e 200 importadores de 35 países, além do aumento em 1.000 metros quadrados em área locável. “Já esperávamos que a feira teria um crescimento a cada ano. Mas esta edição é um marco, pois conseguimos fazer um movimento que provocou positivamente todos os personagens do nosso setor. Acreditamos que a consolidação da feira venha pela data correta e também pela informação de moda que é tão preciosa para o varejo e para a indústria. Além disto, o Natal Luz também é um atrativo especial”, salienta Frederico Pletsch, diretor da Merkator Feiras e Eventos.

E o varejo concorda com esta definição: Mariana Mott, da Nanni Scarpe, de Ribeirão Preto (SP) que conta com duas lojas e um outlet, tem um foco definido dos negócios que quer fazer na Zero Grau. “Buscamos pela moda feminina, nossas principais referências de moda são os coturnos com sola tratorada, botas no estilo tricot, as sapatilhas com glitter e tênis que sejam carregados de informações”.  Já Jaqueline Mend, das Lojas Milla, uma rede de 10 lojas, busca comprar na feira de acordo com o clima de Porto Velho (RO). “Procuramos mais sandálias, já que somos de uma região tropical e a demanda é por calçados mais leves”, conta ela. Devido ao reaquecimento do mercado ela está otimista em relação às vendas ao consumidor final. “A expectativa é de boas vendas lá, vemos com bons olhos esse movimento de crescimento da economia”, projeta Jaqueline. Idris Saldanha, da loja Claudia Reges, de Natal (RN), que conta com duas unidades, busca novidades. “Aqui na Zero viemos atrás de inovação, queremos levar para o nosso cliente aquilo que é diferente, fugindo do senso comum”, planeja ele.

 

PAPO LEGAL

 

Valorização da diversidade é o tema que a feira traz como pauta, sendo tendência ao reflexo do movimento. Como aquecimento dos motores da Zero Grau, no domingo (19) aconteceu o Papo Legal. O evento trouxe o ator Silvero Pereira e a jornalista e consultora de moda Lilian Pacce para discutir a diversidade e inclusão de todos os perfis no universo da moda. O bate papo se sustentou no tripé gênero, idade e tamanho, visualizando o caminho para estilistas e marcas que realmente tenham a identificação com esse tipo de conceito, que privilegiem esses públicos na sua coleção. “O mercado está pedindo uma mudança e essa é a oportunidade para que as marcas se insiram no contexto da diversidade”, afirmou Lilian Pacce. O conceito de elegância mudou. “Ele está na atitude, na educação, na maneira de conviver com o mundo e olhar o outro, finaliza a jornalista.

 

Mais informações da feira podem ser encontradas em: www.feirazerograu.com.br/

 

PARCEIROS QUE VISUALIZAM A NECESSIDADE DO MERCADO

 A Zero Grau conta com o apoio do Sindicato da Indústria de Calçados de Estância Velha, Sindicato da Indústria de Calçados de Ivoti, Sindicato da Indústria de Calçados de Igrejinha, Sindicato da Indústria de Calçados de Novo Hamburgo, Sindicato da Indústria de Calçados de Parobé, Sindicato da Indústria de Calçados de Sapiranga e Sindicato da Indústria de Calçados, Componentes para Calçados de Três Coroas.

 

 

SERVIÇO – ZERO GRAU FEIRA DE CALÇADOS E ACESSÓRIOS

Data: 20, 21 e 22 de novembro de 2017

Local:  Serra Park, em Gramado /RS

Horário: Das 9h às 19h

Expositores: 320

Marcas: 1200

Visitantes: 12 mil nos três dias do evento

 

Modernas e estilosas, as sandálias e os espadrilhes da nova coleção de Verão da Arezzo são inspirados no estilo Navajo e prometem ser a sensação da estação. 

Entre as diversas opções, a sandália de tiras de salto fino é perfeita para compor o look do dia ou da noite. De pegada étnica, o modelo possui fechamento lace up e enfeite de barbicacho. 

O espadrilhe é mais um modelo da marca que promete arrasar no Verão. Com cores neutras e fáceis de combinar, ele é confeccionado em palha com estampa em losangos, salto bloco e couro trançado na sua tira frontal. A cartela de cores possui tons terrosos com destaque para o amarelo queimado e o mix de cru e preto.

22 Nov 2017

 

A liberdade é o grande lema da Mormaii e, isso se aplica de maneira literal em seu mix de produtos. Entre suas principais apostas, figuram criações com proposta agender, ou seja, que complementam o look sem a necessidade de rotular gêneros. As novidades serão apresentadas a lojistas, imprensa e investidores em primeira mão durante o Preview Couromoda 2018, que ocorre entre 9 e 11 de novembro no pavilhão azul do Expo Center Norte, em São Paulo/SP.

Com numeração que vai do 34 ao 44, o modelo Mash traz shape cool e casual, complementando looks da garotada jovem com personalidade e em total sintonia com a diversidade gêneros e pluralidade de estilos da atualidade. Com modelagem mais arredondada e o queridinho solado branco, o tênis traz cabedal em tecido de algodão, proporcionando conforto extra e a manutenção da temperatura para os pés. Confeccionados em lona para garantir resistência, os tênis possuem variações de cores que transitam entre o preto, cinza, bordô, azul navy e caqui, o que resulta em modelos democráticos para acompanhar os jovens com estilo seja na pista de skate ou na rotina agitada.

 

 

A marca celebra a autenticidade feminina com uma cartela de trends que ampliam as possibilidades de looks e vão agitar o street style!

 

 Sempre jovial e dinâmica na proposta de novas tendências, a Moleca acompanha o lifestyle de uma geração que respira informação e precisa de novidades constantes para movimentar seu cotidiano agitado. Os calçados da nova coleção representam justamente o dress code das garotas modernas, que gostam de ousar para expressar individualidade e atitude!

As botas definitivamente ultrapassaram a fronteira das estações e agora, fazem parte do vestuário o ano inteiro, principalmente os coturnos e as ankle boots. Na marca, além de proteção e conforto, os modelos garantem estilo às composições com modelagens diferenciadas, como as slouch boots - feitas em material maleável dando efeito drapeado ao cano, além do western boots, chelsea boots e biker boots. A aplicação da napa tressê, evidencia a maciez. Os solados tratorados entram em cena, construindo uma estética de muita personalidade.

 Com detalhes pontuais que se destacam, os acessórios também se tornam o ponto principal das produções. As over the knee, com seus canos acima do joelho, têm a missão de dar um up ao visual, produzindo combinações irreverentes e descoladas. Já os coturnos, que trazem de volta a inspiração militar, entraram definitivamente nos outfits e quebraram as regras do código de vestimenta, para dar originalidade à moda.

 Desejadas por muitas colecionadoras, as sapatilhas da marca acompanham os figurinos das fashionistas do mundo todo, propõem contemporaneidade com os apliques de flores, laços e detalhes em metal, nas estampas floral, poá, xadrez e de animal prints – com acabamento em croco e onça, além do jeans, cetim e do veludo em cores intensas ou delicadas. Já os esportivos com uma pegada underground e os tênis botinha ditam um novo olhar para o cenário fashion atual e urbano.

Uma febre que tem flertado com as Moleca lovers são os dots. Meigas e divertidas, as aplicações em slides, sandálias e sapatilhas, sozinhas ou juntas com os nós, oferecem um diferencial superbacana ao streetwear. As listras em nuances mais suaves, em espadrilles, slippers e flats, dão vida à tendência navy candy e são perfeitas para aquelas que amam produções girlies.

A inspiração náutica também ancorou seus elementos no mix, indicando frescor e liberdade. As cores branco, vermelho, azul-marinho e preto comandam os tons que dão vida ao navy. Os perfuros a laser também estão presentes nas sapatilhas, nos esportivos casuais, slides e mocassins, apresentando leveza e um toque cool aos sapatos!

 

 

O destaque da temporada é o salto flatform, que chega em modelos abertos à nova Coleção de Verão da Akazzo. O mix é composto por sandálias, rasteiras, slides e sapatilhas cheios de cor e estilo. 

A aposta da marca é a pegada confortável highlight em todas as linhas, além dos metalizados em suas roupagens clássicas e texturas. Os tons neutros e rosados vêm com tudo e prometem ser outra sensação da estação.

Fonte: Primeira Página/Jornal Exclusivo

 

Com mais 1,2 mil marcas de calçados e acessórios, o Serra Park, em Gramado/RS, recebe, a partir de hoje (20), a feira Zero Grau. Os números impressionam para a jovem mostra gaúcha, que está na sétima edição com lançamentos das coleções de outono-inverno e encerra na próxima quarta-feira (21).

Em coletiva de imprensa realizada no primeiro dia do evento, o diretor da Merkator, promotora da feira, Frederico Plestch, ressaltou que a Zero Grau vem crescendo ano após ano. Nesta edição são esperados mais de dois mil lojistas de todo o Brasil, além de 200 importadores de 35 países. “São números recordes. No ano passado, quando começamos a organizar a feira, em meio às trovoadas da crise política e econômica, estipulamos a meta de empatar com a Zero Grau de 2017. O surpreendente é que a mostra cresceu em mais de mil metros quadrados, algo em torno de 8%”, comemorou, acrescentando que, desde 1974, quando começou a trabalhar no setor, este foi o resultado mais “surpreendente”, por todo o contexto econômico envolvido.

Para Pletsch, o sucesso da feira demonstra que a economia, especialmente a iniciativa privada, conseguiu se descolar da crise política. “Vivemos um problema político grave, que pode piorar no próximo ano, mas a boa notícia é que está havendo crescimento econômico”, conclui.

 

Abicalçados

A Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) participa da Zero Grau com o Projeto Imagem, que nesta oportunidade trouxe três jornalistas estrangeiros para conhecer - e divulgar - o calçado brasileiro. A iniciativa, viabilizada através do Brazilian Footwear, programa de apoio às exportações de calçados realizado em parceria com a Agência de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), trouxe os jornalistas Aldo Delfino (Revista Serma) e Maurício Herzovich (Portal CueroAmerica), da Argentina, e Timashova Natalia (Shoes Report), da Rússia.

A Zero Grau é uma promoção da Merkator Feiras e Eventos apoiada pelos sindicatos das indústrias de Estância Velha, Ivoti, Igrejinha, Novo Hamburgo, Parobé, Sapiranga e Três Coroas.

 

O evento ocorre neste mês, nos pavilhões do Serra Park, em Gramado, nos dias 20, 21 e 22, mas já contabiliza recordes. Um dos principais números, e que ressalta o crescimento e a importância da feira, é a procura de lojistas de todo o Brasil, esgotando rapidamente os convites para passagens e hospedagens distribuídos pela organização.

 Com um alto número de lojistas dos principais mercados consumidores do país, a expectativa é de vendas em alta. A projeção segue as tendências apontadas pelo mercado. Dados da Fundação Getulio Vargas (FGV) apontam que o brasileiro está mais disposto a gastar neste final de ano, influenciados pela melhora no ambiente econômico. Em função disso, os lojistas já se preparam para atender a essa demanda. “Faltando ainda quase dois meses para a feira já havíamos preenchido toda cota de passagens aéreas e hospedagens para lojistas brasileiros. Depois disso iniciamos uma lista de espera que a cada dia fica mais longa”, ressalta o diretor da Merkator Feiras e Eventos, Frederico Pletsch.

 O crescimento da feira também poderá ser visto entre os expositores. Serão 320 indústrias, que juntas representam as maiores marcas de todos os segmentos calçadistas do país.  Se a procura de compradores brasileiros é intensa, o mesmo acontece com os importadores. Já está confirmada a presença de mais de 200 compradores internacionais de todos os continentes. Os mercados representados entre os importadores incluem cerca de 35 países, entre eles, destinos conhecidos por comprar grandes quantidades das marcas nacionais. 

aseada no tripé formado por bons negócios, atrativos turísticos e informação de mercado, a Zero Grau receberá ainda jornalistas, formadores de opinião e artistas. Nesta edição o Papo Legal, evento que é uma prévia da feira, reúne dois nomes conhecidos nacionalmente. A jornalista e consultora de moda Lilian Pacce, um dos nomes mais respeitados e influentes no universo da moda, e o ator Silvero Pereira, um dos nomes mais comentados da televisão brasileira nesse ano, ao interpretar a travesti Elis Miranda na novela “A Força do Querer”, da Rede Globo. Já o Spot Fashion Pluriverso vai impactar todo o amante da moda, com um desfile dentro do evento que mostrará as principais tendências para o outono e inverno de 2018. O desfile acontece dia 20 de novembro, às 19h, dentro dos pavilhões do Serra Park.

 

PARCEIROS QUE VISUALIZAM A NECESSIDADE DO MERCADO - A Zero Grau conta com o apoio do Sindicato da Indústria de Calçados de Estância Velha, Sindicato da Indústria de Calçados de Ivoti, Sindicato da Indústria de Calçados de Igrejinha, Sindicato da Indústria de Calçados de Novo Hamburgo, Sindicato da Indústria de Calçados de Parobé, Sindicato da Indústria de Calçados de Sapiranga e Sindicato da Indústria de Calçados, Componentes para Calçados de Três Coroas. 

 
Page 1 of 25

A Empresa

Entre em contato conosco:

E-mail: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
Rua Rangel Pestana, 23 Centro
Jaú - São Paulo - Brasil
Fone: (14) 3625-4489
Facebook
Skype: bigdesignerjau

Pés famosos ou não